Módulos informatizados e predefinidos evitam fraudes de sistemas

As rotinas de uma empresa podem ter facilidades ou pedras pelo caminho. É tudo uma questão de organização. Quanto mais comuns forem os obstáculos, maiores serão os custos operacionais para a empresa. Porque o gestor vai precisar dedicar funcionários, tempo e dinheiro por conta de rotinas longas ou mal elaboradas.

Os processos convencionais demandam mais staff, trabalhos manuais, conferências e ajustes. São rotinas inerentes ao contexto corporativo e que dependem do olhar humano para funcionarem de forma satisfatória para a empresa.

Quando a tecnologia entra em ação, os processos fluem com rapidez, segurança e custo reduzido.

Processos informatizados são muito mais seguros

O processo de migração de rotinas para sistema informatizado é relativamente simples. A empresa faz o esquema da sua própria rotina geral de trabalho, propõe melhorias, otimizações e deixa a migração correr pela assessoria de segurança de dados.

Todos os envolvidos vão enxergar os processos, fazer apontamentos, eliminar problemas e caminhos desnecessários, compreender como podem criar conexões com os demais departamentos para facilitar as rotinas.

A empresa de segurança de dados entra em ação e faz as conexões solicitadas em ambiente informatizado. Os processos são otimizados em ambiente centralizado. A máquina passa a fazer os controles anteriormente feito por funcionários.

Assim, os trabalhos ficam muito mais controlados, têm informações de tudo o que acontece, operadores, horários, logins, imagens etc. As possibilidades de falhas ficam muito reduzidas, praticamente zeradas.

Quanto mais processos incluídos nos sistemas, mais conferências e correções serão feitos para torná-los rápidos e seguros. O objetivo esperado nessa migração é ter um processo inteiramente controlado, rápido, produtivo e sob total controle e segurança.

Regras para segurança de dados no setor financeiro

O processo informatizado que engloba as rotinas acaba gerando segurança e correção para o fluxo, otimizando resultados no final. Isso porque o sistema se encarrega de evitar certas flexibilidades e relaxos, conforme a conveniência. Eis o workflow, a sequência de passos internos estipulados pela empresa.

E para ter essa proteção ainda mais ampliada, os sistemas se integram a uma volumosa e atualizada plataforma de Big Data. Essa integração maximiza a segurança necessária às operações, especialmente no setor financeiro.

As principais vantagens obtidas de um sistema seguro são:

- Cálculo preciso do score para pessoas e empresas, de forma a facilitar a visualização e análise de risco e potencial de compra;

- Cálculo de risco de fraude e inadimplência, uma vez que o os novos cadastros cumprem regras e ainda têm a conferência de DataBase para certificação de que o processo é inteiramente correto;

- Análise de crédito, seguindo o mesmo fluxo para aprovar ou não a concessão de empréstimo a cliente PF ou PJ, minimizando os riscos de problemas futuros;

- Fazendo segmentações de grupos e carteiras, seguindo orientações e solicitações da empresa, conforme suas estratégias internas;

 

De um modo geral, adotar o método de workflows significa pegar toda a rotina de trabalho de uma empresa e inserir no sistema, para que seu fluxo esteja sob o domínio digital e não humano. Neste caso, os gestores e funcionários somente acompanham e ajustam as rotinas, de forma permanente.

Outras vantagens de ter workflow nas rotinas

- Reduz custos operacionais

A rotina que demandava recursos humanos, burocracia e vários processos passa a ser controlada pelo sistema. Portanto, o custo passa a ser reduzido, já que dispensa toda a estrutura convencional.

- Melhora a comunicação

Na medida em que todos os envolvidos nos processos serão acionados e acompanhados para cumprir suas tarefas em equipe, dentro do próprio departamento, ou com outros da mesma empresa.

- Faz conferências permanentes

Todas as atividades inseridas no sistema são conferidas de maneira constante. Caso alguma delas não esteja de acordo com as regras previamente estipuladas, o sistema interrompe o processo, podendo informar o supervisor da área. Nenhuma rotina é informal, negligente ou inadequada, com raras exceções acompanhadas pelo gestor responsável.

- Aprimora a escalabilidade

Se os processos estão ajustados e controlados no esquema de workflow, a empresa fica pronta para ampliar o seu potencial de atendimento às demandas vindas do mercado. A empresa fica mais preparada para os desafios que virão e para o crescimento que se forma no horizonte.

- Rotinas mais limpas, rápidas e eficientes

A migração das rotinas para workflows dá velocidade aos processos, eliminando etapas e passos desnecessários. Na medida em que as regras são seguidas, os trâmites seguem de forma acelerada e eficiente.

Adriano Cortês

Deixe seu comentário